Escrito por Tendenzias

O Protocolo de Kyoto

Uma série de países finalmente se preocupou com o aquecimento global.

No ano de 1997 o Protocolo de Kyoto foi aprovado pela Organização das Nações Unidas (ONU). Este foi gradualmente ratificado por 156 países e, os países que são considerados os que mais contaminam em todo o mundo que são os Estados Unidos e a Austrália, rejeitaram o Protocolo de Kyoto.

Mas o que finalmente estabelece o protocolo de Kyoto? O protocolo de Kyoto tem como objetivo para o ano de 2012, a redução da emissão de gases de efeito estufa em 5,2% em comparação ao ano de 1990.

Segundo o protocolo de Kyoto, os poluidores são os países que de alguma maneira aceitaram reduzir este índice. São considerados os países desenvolvidos. Tais países que também são os que mais poluem, recebem uma “licença para poluir”, que equivale ao que foi emitido em gases no ano de 1990 mais uma soma ou diminuição do haja sido prometido para o ano de 2012.

Os objetivos são iguais a todos os países e só há alguns níveis diferenciados, segundo o protocolo de Kyoto, para 38 países, que são os que mais emitem os gases.

No caso do Brasil, por exemplo, o protocolo de Kyoto não estabelece nenhum objetivo para reduzir as emissões de gases. Mas isso não deve significar o que Brasil se acomode e não faça nada a respeito, ao contrário, deve sim estabelecer metas de controle e diminuição da emissão de gases de efeito estufa.

Lo más interesante
Top 6
artículos
Síguenos